Pesquisar

DIA MUNDIAL DO 05 MEIO AMBIENTE

#
DIA MUNDIAL DO 05 MEIO AMBIENTE

Você sabe o que significa “Meio Ambiente”?

O meio ambiente envolve todas as coisas vivas e não-vivas ocorrendo na Terra, ou em alguma região dela, que afetam os ecossistemas e a vida dos humanos. O conceito de meio ambiente pode ser identificado por seus componentes:

Completo conjunto de unidades ecológicas que funcionam como um sistema natural mesmo com uma massiva intervenção humana e outras espécies do planeta, incluindo toda a vegetação, animais, microorganismos, solo, rochas, atmosfera e fenômenos naturais que podem ocorrerem seus limites.

Recursos e fenômenos físicos universais que não possuem um limite claro, como ar, água, e clima, assim como energia, radiação, descarga elétrica, e magnetismo, que não se originam de atividades humanas.

Os avanços modernos transformam constantemente a sociedade, permitindo a produção em massa e consequentemente o aumento da utilização de recursos naturais, o que pode torna-los cada vez mais escassos. Por isso, o compromisso ambiental de uma organização empresarial deve ir além da estrita observância da legislação ambiental. Os programas ambientais da UHE Estreito foram desenvolvidos com base em critérios como conservação ambiental, investimentos nos recursos naturais, valorização do conhecimento e da cultura regional e promoção da sustentabilidade social e econômica. Eles envolveram ações na área de monitoramento e gerenciamento ambiental, manejo de recursos hídricos, conservação da fauna e da flora, educação ambiental, saúde, remanejamento populacional, apoio às atividades comerciais e de serviços, fomento às atividades produtivas locais, turismo, cultura, urbanização, segurança pública, entre outras.

Monitoramento da Fauna

O monitoramento da Fauna realizado pela Usina Hidrelétrica de Estreito, já identificou quase 700 espécies na região em 4 anos de monitoramento. Dentre diversas espécies monitoradas, estavam o Bugio das mãos ruivas (Aloutta belzebul) e a Arara-AzulGrande (Anodorhynchus hyacinthinus).

O programa de monitoramento da Arara-Azul-Grande contribuiu para um importante aumento populacional, passando de 84 indivíduos na época do pré enchimento do reservatório da usina, para 244 indivíduos na etapa final do monitoramento, além do aumento, também há registro de ninhos nos paredões de arenito na área de abrangência da UHE.

A retirada da Arara-Azul-Grande, da lista de espécies ameaçadas de extinção, em 2014, o ano em que o projeto ganhou o XIII Prêmio LIF (Liberdade, Igualdade e Fraternidade) com o reconhecimento pela Câmara do Comércio Brasil-França, foi um grande presente para p CESTE. O CESTE também realiza o monitoramento de Botos (Inia geoffrensis), Tartaruga da Amazônia (Podocnemis expansa) e Tracajá (Podocnemis unifilis).

Monitorar a fauna é importante para entender o comportamento das espécies e assegurar a sobrevivência da nossa fauna. A partir dele, foi possível a elaboração do livro “Guia de Campo”, onde são apresentadas as espécies da região.

Viveiro Florestal, Restauração de Áreas de Preservação e Educação Ambiental

Em 2008 o Consórcio Estreito Energia implantou um viveiro florestal, com capacidade de produção de até 100 mil mudas por ano. São produzidas até 142 espécies nativas dos Biomas Cerrado e Floresta Amazônica, através da coleta de sementes das 570 matrizes georeferenciadas e cadastradas na área de influência do reservatório da UHE Estreito. Atualmente, o viveiro atingiu a marca de mais de 1 milhão de mudas produzidas, e 2 mil hectares estão em processo de restauração ambiental. A produção de mudas é destinada para a restauração ambiental das Áreas de Preservação Permanente - APP do reservatório e recuperação ambiental das áreas degradadas. As mudas também são doadas aos municípios da região, como objetivo de incentivar o paisagismo, educação ambiental, preservação de nascentes e matas ciliares.

Consorciadas

Engie Alcoa Vale InterCement